Por decisão do Vitória, o técnico Geninho não comanda mais o Leão

Geninho não comandará mais o Vitória. O clube emitiu nota no site oficial no início da tarde desta sexta-feira (19) comunicando que acertou amigavelmente o desligamento do treinador e que o auxiliar Brujno Pivetti será efetivado no cargo até o final do ano. 

De acordo com o Vitória, a decisão foi tomada por questões financeiras. “A decisão do afastamento de Geninho do comando técnico foi tomada em função da busca incessante da direção atual do clube pelo equilíbrio financeiro diante da grave situação herdada de gestões anteriores, agravada com a considerável perda de receitas ocasionada pela pandemia do coronavírus”, diz um trecho da nota divulgada pelo clube.  

Confira na íntegra a nota oficial publicada pelo Vitória:

O Esporte Clube Vitória comunica que acertou amigavelmente nesta sexta-feira (19) o desligamento de Eugênio Machado Souto, o Geninho, e a efetivação de Bruno Pivetti como técnico até o final da temporada de 2020.

A decisão do afastamento de Geninho do comando técnico foi tomada em função da busca incessante da direção atual do clube pelo equilíbrio financeiro diante da grave situação herdada de gestões anteriores, agravada com a considerável perda de receitas ocasionada pela pandemia do coronavírus.

O EC Vitória agradece a Geninho pela conduta profissional em sua terceira passagem pelo clube e deseja boa sorte. O treinador chegou ao rubro-negro em setembro do ano passado.

Com a efetivação de Bruno Pivetti, o ex-zagueiro do clube, Flávio Tanajura, passa a ser o auxiliar principal do futebol profissional.