Veja quais foram as notícias em destaque ao longo da semana no portal G1 Maranhão. Confira o resumo de algumas das principais reportagens e as mais acessadas pelos leitores do G1 Maranhão na semana de 9 a 15 de agosto.
Domingo (9)
Paulinho Kobayashi não é mais técnico do Imperatriz. O anúncio foi feito pelo próprio treinador em suas redes sociais, na tarde deste domingo, logo após a confirmação do adiamento da partida entre Treze-PB e Imperatriz, pela Série C do Brasileirão.
Segunda-feira (10)
Neste domingo (9), o Colégio Dom Bosco comunicou aos pais que uma colaboradora da instituição testou positivo para Covid-19. Por isso, as aulas presenciais foram suspensas nos últimos anos do Ensino Médio e do Ensino Fundamental.
Dom Bosco decidiu suspender as aulas em algumas áreas do ensino após um caso de Covid-19 no colégio
Reprodução/Google Maps
Além disso, o reitor da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Natalino Salgado, informou ao G1 nesta segunda-feira (10), que a instituição recebeu uma circular do Ministério da Educação (MEC) projetando um corte de verba de 18% a 24% no orçamento para 2021.
Terça-feira (11)
Um projeto de lei aprovado pela Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) vai diminuir a pena de presidiários que lerem livros da Bíblia. O projeto foi apresentado pela deputada estadual Mical Damasceno (PTB) e foi aprovado com a totalidade dos votos dos parlamentares presentes.
Conforme o projeto da deputada, a Bíblia deve estar, de forma obrigatória, no acervo de todos os estabelecimentos penais do Maranhão, onde a sua leitura também contará para redução de pena.
Bíblia sagrada
Reprodução/ TV Gazeta
Quarta-feira (12)
Em pesquisa divulgada nesta quarta-feira (12), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que o Maranhão é o 9º estado do Brasil com a menor proporção de viagem por domicílio. Considerando os domicílios do estado em que houve viagem, a maioria teve como local de hospedagem a casa de amigo ou parente.
De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD Contínua) Turismo que avaliou o 3º Trimestre de 2019, em 80,6% dos lares maranhenses, o que corresponde a 1,682 milhão de domicílios, nenhum morador viajou nos meses de abril a agosto de 2019.
Terminal Rodoviário de São Luís
Reprodução/TV Mirante
Quinta-feira (13)
A polícia prendeu, em São Luís, mais um suspeito de envolvimento na morte do publicitário Diogo Costa que foi assassinado com um tiro no pescoço no último dia 16 de junho após uma discussão de trânsito na Lagoa da Jansen, em São Luís. O suspeito que não teve o seu nome revelado, em virtude da Lei de Abuso de Autoridade, foi preso no bairro Cidade Operária, na capital, com uma motocicleta com ocorrência de roubo.
Diogo Adriano Costa Campos, sobrinho neto do ex-presidente José Sarney, foi assassinado a tiros em São Luís (MA)
Arquivo pessoal
Sexta-feira (14)
O governo Flávio Dino emitiu um decreto e autorizou shows musicais em bares e restaurantes a partir do dia 15 de agosto, em todo o Maranhão. A medida também vale para apresentações em praças de alimentação, galerias e shopping centers.
Os shows poderão acontecer com até dois integrantes nas apresentações, sendo obrigatório o uso de máscaras, higienização dos instrumentos e distanciamento social com o público e entre os artistas. A exceção ocorre apenas para músicos que usam instrumentos de sopro, que poderão atuar sem máscara.
Sábado (15)
Mesmo com medidas oficiais de distanciamento social no Maranhão, um multidão ignorou os protocolos sanitários na noite dessa sexta-feira (14) e lotou os arredores e a escadaria da Praça Nauro Machado, no Centro Histórico de São Luís. Essa é a segunda semana consecutiva que aglomerações são registradas na região.
Contrariando medida, multidão se aglomera no Centro Histórico de São Luís